CAPES lança nova plataforma de dados no fim de março


6 de fevereiro de 2014 - Por Bruno C. Dias


A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) marcou para 27 de março o lançamento oficial de sua nova ferramenta de acompanhamento do Sistema Nacional de Pós-Graduação, a plataforma Sucupira. O sistema permitirá melhor comunicação entre a fundação e os Programas de Pós-Graduação e possibilitará a organização de toda a parte gerencial-operacional dos processos realizados pelas secretarias acadêmicas para melhor participação das pró-reitorias e coordenadores na chancela desses dados. 
O nome da plataforma é uma homenagem ao professor Newton Sucupira, autor do parecer que conceituou, formatou e institucionalizou o atual modelo de pós-graduação brasileira.

Segundo a fundação, uma das vantagens da Sucupira é a possibilidade de inclusão de informações e dados de forma contínua e on line, permitindo também a consulta das mesmas por toda a comunidade acadêmica. Está prevista também a integração conversacional entre a plataforma e os sistemas de registro acadêmico-corporativos das Instituições de Ensino, porém sem previsão de data máxima para essa realização.

Em comunicado enviado aos coordenadores de pós-graduação, o professor Livio Amaral, diretor de Avaliação da CAPES, destaca que a plataforma Sucupira disponibilizará, no primeiro momento, apenas o módulo de coleta de dados. Essa parte do sistema reproduz, basicamente, os mesmos campos anteriormente solicitados pelo aplicativo utilizado nos processos das avaliações trienais. Junto com o lançamento, serão divulgadas as orientações e detalhes para o início do preenchimento dos dados de 2013 e 2014.

Mesmo com a inserção contínua de dados, o documento destaca que continuará necessária a definição de datas limite para a consolidação dos quadros anuais de cada programa e assim compor as avaliações. As primeiras datas ainda não estão definidas.

Outras datas: O comunicado traz ainda os períodos para a apresentação de novas propostas de mestrado profissional, mestrado e doutorado acadêmicos e programas interinstitucionais (Minter e Dinter), bem como a solicitação de mudanças de área de PPGs. As informações foram publicadas na portaria 11/2014 do D.O.U. de 29 de janeiro de 2014.