Pesquisar
Close this search box.

 NOTÍCIAS 

TV Abrasco recebe série de Ágoras sobre Curricularização da Extensão

A Abrasco, em um espaço compartilhado entre sua Diretoria, Grupos Temáticos, Comissões e Fóruns, vem  construindo debates e reflexões sobre a Curricularização da Extensão e os desafios e as possibilidades postas diante da formação em Saúde Coletiva. Convidamos toda a comunidade da Saúde Coletiva para um novo ciclo de debates!

Em 2022, a entidade promoveu uma série de Ágoras com esta temática, trazendo também convidados de outras instituições e movimentos, afim de problematizar os caminhos atuais da Extensão e sua curricularização na Saúde Coletiva, assim como apontar estratégias e experiências relevantes no sentido de contribuir com o aprimoramento dos processos realizados em diferentes instituições de ensino do país.

Todo esse processo será acompanhado e apoiado pelo Grupo de Pesquisa em Extensão Popular (EXTELAR) da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), que tem uma consolidada trajetória de pesquisa e produções em torno da temática da Extensão. O EXTELAR contribuirá com a produção de dois produtos: um Caderno de Curricularização da Extensão em Saúde Coletiva  (sistematização das Ágoras 2022) e um  Dossiê Temático em Revista da Área (sistematização das Ágoras 2023). Assista os encontros abaixo:

1 – Fundamentos e princípios para a Curricularização da Extensão em uma perspectiva dialógica

O primeiro encontro aconteceu no  21 de agosto, às 16h, com o painel “Fundamentos e princípios para a Curricularização da Extensão em uma perspectiva dialógica”. A atividade reuniu José Francisco de Melo Neto (EXTELAR/UFPB), Elisa Pankararu (APOINME) e Elias José (Rede Humaniza SUS), e foi coordenada por Pedro Cruz (Abrasco) e Aline Zorzi (UFPB).  Assista:

2- Curricularização da Extensão na Educação brasileira e o fortalecimento do SUS: do ideal às questões atuais de sua implementação

O segundo encontro aconteceu no dia 05 de setembro, às 16h, com o painel “Curricularização da Extensão na Educação brasileira e o fortalecimento do SUS: do ideal às questões atuais de sua implementação”. A atividade contou com presença de Olgamir Amancia Ferreira (UnB/FORPROEX); Marta Almeida (ANEPS e CNS), Célia Regina Gil, diretora da DEGES/SGTES/MS e Márcio Florentino Pereira (UFSB). A coordenação é de Anelise Rizzolo (UnB e Abrasco).

3- A curricularização da extensão, seus desafios e caminhos no olhar do movimento estudantil

O terceiro encontro aconteceu no dia 02 de outubro e contou com a presença de Liana Carlan Padilha, graduanda em Saúde Coletiva pela UFRN; Adriana Fernandes Carajá (Korã) Pajé Karirí-Sapuyá do Sertão baiano e doutoranda em Antropologia Social (PPGAN/UFMG); Izabelli Santos da Conceição, graduanda em Ciências Sociais pela UFRB, e discente no curso de mestrado do Programa de Pós-graduação em Ciências Sociais, Cultura, Desigualdades e Desenvolvimento (PPGCS- UFRB); Dênis Delgado da Silva Baré, graduando em Enfermagem pela UFSCAR. Marília Louvison , professora da USP e vice-presidente da Abrasco, mediou a mesa.

4 – Os caminhos e as dificuldades para implementação da curricularização da extensão em uma perspectiva dialógica nas universidades e institutos federais

O quarto encontro aconteceu no dia 4 de dezembro, às 16h, com o painel “Os caminhos e as dificuldades para implementação da curricularização da extensão em uma perspectiva dialógica nas universidades e institutos federais”. O evento contou com a participação de Maria Santana Ferreira dos Santos Milhomem (UFT) pelo FORPROEX, Geísa Boaventura (IFGoiano) pelo FORPROEXT, Alysson Santos Barreto pelos Fóruns de Pró-Reitores de Graduação e de Dirigentes de Ensino (Institutos Federais), e Clarissa Rodrigues (ANDES). A coordenação foi de Vanessa Almeida (UFMG.

Associe-se à ABRASCO

Ser um associado (a) Abrasco, ou Abrasquiano(a), é apoiar a Saúde Coletiva como área de conhecimento, mas também compartilhar dos princípios da saúde como processo social, da participação como radicalização democrática e da ampliação dos direitos dos cidadãos. São esses princípios da Saúde Coletiva que também inspiram a Reforma Sanitária e o Sistema Único de Saúde, o SUS.

Pular para o conteúdo