Pesquisar
Close this search box.

GT Gênero e Saúde

O GT Gênero e Saúde têm buscado fortalecer a interlocução entre acadêmicas/os, profissionais de saúde e militantes dos diversos os movimentos sociais, visando tornar o conhecimento científico cada vez mais útil e acessível. Nessa interlocução também se procura captar demandas emergentes para a produção de conhecimento, formação de profissionais e atuação política no campo de gênero e saúde. E ainda para a aprofundar a compreensão de fenômenos de interesse na Saúde Coletiva, abordando novos temas e revisitando antigos, na perspectiva das relações de gênero.

O GT incorpora, por meio da produção de suas/seus integrantes, um extenso leque de temas, tais como desigualdades de gênero na ciência; reprodução, maternidade e aborto; violência doméstica e sexual, Aids e outras DST, controle social, monitoramento e avaliação de políticas e programas (especialmente para as mulheres).

Suas atividades regulares incluem o assessoramento à diretoria da ABRASCO nas questões pertinentes, a participação organizada nos congressos da entidade e em outros eventos afins; a organização de seminários e oficinas de trabalho, com publicização dos resultados.

O GT Gênero e Saúde foi criado em abril de 1995, durante o III Congresso Brasileiro de Epidemiologia, em Salvador, com objetivo de ampliar e consolidar o ensino e a produção do conhecimento sobre o tema na área de Saúde Coletiva.

Ao longo de quase três décadas, nossa luta continuada e efetiva permitiu consolidar este campo temático na Saúde Coletiva. Construímos agendas de prioridades e estratégias de ação para ampliar espaços institucionais e acadêmicos. Lutamos pela equidade de gênero na ciência e apoiamos a ABRASCO em suas manifestações públicas pela garantia de direitos sexuais e reprodutivos e contra todas as formas de discriminação. Formulamos propostas e monitoramos políticas em distintos foros como a Comissão Intersetorial de Saúde da Mulher (CISMU) do Conselho Nacional de Saúde e o Conselho Nacional de Direitos da Mulher (CNDM).

Coordenação:

Ana Paula dos Reis
Ana Maria Costa
 
Membros:

Ana Ester Maria Melo Moreira
Ana Flávia Pires Lucas D’Oliveira
Ana Paula Lopes de Melo
Cláudia Bonan
Cristiane da Silva Cabral
Elaine Reis Brandão
Emanuelle Freitas Góes
Estela Maria Motta Lima Leão de Aquino
Flávia Pilecco
Luciana Narciso da Silva Campany
Marina Fisher Nucci
Nanda Isele Gallas Duarte
Sandra Valongueiro
Simone Souza Monteiro

Notas

 

Moções

 

Pular para o conteúdo